Para marcar volta à Broadway, Nicole Kidman ganha do marido casa de US$ 39 milhões

Por Marcelo Bernardes

Duas décadas após estrear na Broadway com a peça “Blue Room”, de David Hare, e com uma performance descrita por um crítico de um jornal inglês como “puro viagra teatral”, Nicole Kidman deve voltar aos palcos de Nova York no próximo ano. A atriz pretende reprisar o papel de Rosalind Franklin, cientista inglesa postumamente reconhecida por ter feito significativa contribuição para a descoberta da estrutura do DNA, na peça “Photograph 51”.

Nicole Kidman interpreta cientista que ajudou a descobrir DNA na peça “Photograph 51” (Foto: Divulgação)

Desde que a montagem teatral escrita pela dramaturga americana Anna Ziegler estreou em Londres, em 2015, se tornando sucesso de público e crítica, vários rumores de que a peça viajaria para Nova York surgiram. Eles sempre foram refutados por Kidman. No ano passado, em entrevista a um jornal inglês, a atriz disse que não faria a peça na Broadway para não ficar muito tempo ausente das filhas: Sunday, 9, e Faith, 7.

Segundo artigo da revista australiana Women’s Day publicado nesta segunda-feira (27), Kidman não teria mais nenhum conflito familiar para impedi-la de participar da montagem. Para incentivar a carreira teatral e televisiva da esposa, o cantor country Keith Urban deu uma casa “dos sonhos” em Nova York de presente para Kidman. O centenário palacete de seis andares e sete quartos fica em uma das áreas mais nobres de Manhattan, o Upper East Side, e com Woody Allen e Madonna como vizinhos.

Frente do palacete de seis andares que teria sido comprado por Keith Urban. (Foto: Divulgação)

Desenhada em 1898 e concluída três anos mais tarde, a residência em estilo Belas Artes, na rua 74 e a poucos metros do Central Park, foi um projeto do arquiteto americano Alexander Welch, famoso por ter criado a casa de Alexander Hamilton (o primeiro secretário do tesouro americano, e que virou tema de musical de sucesso da Broadway pelas mãos do escritor Lin-Manuel Miranda) no bairro do Harlem. Ao longo dos anos, a propriedade serviu de residência para o presidente americano Glover Cleveland, o artista Marc Chagall e o músico Michael Jackson. Mais recentemente, virou locação para a série de TV “Gossip Girl”. Trata-se da casa onde o personagem Nate Archibald, interpretado pelo ator Chace Crawford, mora.

Chace Crawford em cena de “Gossip Girl” rodada no novo palacete de Kidman. (Foto: Reprodução)

A casa tem 19 cômodos, incluindo 8 banheiros, dois toucadores e um aposento para empregada. Além de uma cozinha que funciona no andar térreo da propriedade, uma outra foi instalada no sexto andar. Existem também dois jardins: no andar térreo e na cobertura da mansão. A escada toda em carvalho é uma das grandes atrações da propriedade. A propriedade conserva suas oito lareiras originais. O bilionário americano (nascido no Marrocos) Marc Lasry comprou o palacete em 2001 por US$ 11 milhões. No ano passado, decidiu colocá-lo à venda por US$ 39 milhões. Mas detratores acharam o preço “ridículo”. “Lasry acha que sua casa é maravilhosa. Mas ela é velha e precisa de muitos reparos. Muitos!”, disse um corretor de imóveis ao jornal New York Post.

Confira algumas imagens dos aposentos da casa, com decoração virtual.

Corredor do segundo andar da casa. (Foto: Divulgação)
Sala de jantar com um das 8 lareiras originais da casa. (Foto: Reprodução)

 

Sala de estar. (Foto: Divulgação)

 

Pátio com jardim no andar térreo. (Foto: Divulgação)

 

Uma das duas cozinhas da casa. (Foto: Reprodução)

 

Toda em carvalho, escada é uma das atrações da casa. (Foto: Divulgação)

 

Com Iain Glen, o Jorah Mormont de “Game of Thrones”, Kidman fez sua estreia na Broadway em 1998 com a peça “Blue Room”, de David Hare. (Foto: Divulgação)