Capa da “New Yorker” faz nova sátira sobre Donald Trump

Por Marcelo Bernardes

John F. Kennedy procura uma pastilha antiácida. George Washington cobre a mão com o rosto. Franklin D. Roosevelt quase deixa a piteira cair da boca. E Abraham Lincoln e Theodore Roosevelt parecem bastante preocupados. A capa da nova edição da revista “The New Yorker” estampa Donald Trump, o polêmico pré-candidato do Partido Republicano à Casa Branca, fazendo um inflamado discurso na TV, enquanto ex-presidentes americanos assistem incrédulos. Desenhada pelo ilustrador Barry Blitt, a capa se chama “Bad Reception” (Má Recepção).

Screen Shot 2016-01-25 at 1.40.40 PM

É a segunda capa com o tema “candidato Trump” que Blitt e a “The New Yorker” criaram desde a entrada do empresário novaiorquino na corrida à Casa Branca. A primeira, em julho de 2015,  foi batizada de “Belly Flop” (Mergulhando de Barriga) e mostrava Trump pulando numa piscina, enquanto o ex-governador da Flórida Jeb Bush, o governador de Nova Jersey Chris Christie, os senadores pela Flórida Marco Rubio e pelo Kentucky Randy Paul, alguns de seus oponentes na corrida presidencial, tentavam se proteger do grande “splash”.

Screen Shot 2016-01-25 at 2.06.33 PM

 

Em 2011, antes da corrida presidencial, Blitt também criou 12 cartoons (seleção abaixo) ironizando a megalomania do empresário, com ele aparecendo como Miley Cyrus no video “Wrecking Ball”, na cédula de dólar ou fazendo um duplo selfie . Sobre os discursos do candidato, o ilustrador Blitt disse: “Trump nunca falha em criar horas de assombros de deixarem a boca aberta”.

Screen Shot 2016-01-25 at 2.13.41 PM

 

Screen Shot 2016-01-25 at 2.12.29 PM

 

Screen Shot 2016-01-25 at 2.13.32 PMScreen Shot 2016-01-25 at 2.13.23 PM

Screen Shot 2016-01-25 at 2.12.38 PM Screen Shot 2016-01-25 at 2.12.46 PMScreen Shot 2016-01-25 at 2.13.01 PM