Nas revistas americanas, mamães são as novas Kardashians

Por Marcelo Bernardes

Capas de revistas com Taylor Swift, Papa Francisco, as Kardashians, dietas do momento, o seriado “Walking Dead” e Estado Islâmico costumam voar das bancas. A “Vanity Fair”, por exemplo, vendeu apenas em bancas, quiosques de metrô e prateleiras ao lado das caixas registradoras de supermercados um total de 432 mil cópias de sua edição de julho, com a transgênero Caytlin Jenner na capa. Foi o melhor resultado da revista nos últimos cinco anos.

Coincidência ou não, as revistas americanas desta semana descobriram um novo tópico: as mamães. São várias delas em capas ou grandes reportagens. Fica a pergunta: são as mamães as novas Kardashians?

*

Não, não é a Angela Merkel. A capa da edição de dezembro da “National Geographic”, “a mulher mais poderosa do mundo”, é a mãe das mães: a Virgem Maria. Até hoje, compilando histórias de fiéis, a publicação diz que a Virgem teria feito cerca de 2 mil aparições pelo mundo.

Screen Shot 2015-12-02 at 3.54.22 PM

*

A atriz Ingrid Bergman carrega nas cestinhas as gêmeas Ingrid e Isabella Rossellini. Nas outras fotos, a atriz vencedora de três Oscars aparece também ao lado do filho Roberto e da filha Pia Lindstrom. Isabella, hoje com 63 anos, relembra em artigo na revista “People” a mãe famosa, que, se estivesse viva, teria comemorado 100 anos em agosto. “Minha mãe era a favor de aniversários grandiosos. Acho que ela teria amado esta data”, diz a atriz. Em Roma, onde Isabella passou a infância, morando numa “casa neutra”, assim a mãe e o pai, o diretor italiano Roberto Rossellini, já separados, podiam visitar os filhos, a atriz conta que tinha vida normal. “A gente ia ao mercado e andava de ônibus. Mas mamãe ficava fora da cozinha: ela era péssima no fogão”.

Screen Shot 2015-12-02 at 4.07.47 PM

*

O cartunista Chris Ware, autor da graphic novel “Jimmy Corrigan: o Menino Mais Esperto do Mundo”, assina a ilustração “Mirror” (Espelho) para a capa da última “The New Yorker”.

Screen Shot 2015-12-02 at 4.23.07 PM

 

*

Por onde andava a rainha das “rom-com”? A revista “Porter” visita a atriz de “Harry e Sally – Feitos um Para o Outro” na casa de praia dela na ilha de Chappaquiddick, que tem população de 179 pessoas e fica no estado de Massachusetts. Meg, 54, que mora em Nova York, usa a propriedade nas férias de verão. Recentemente, ela dirigiu o filme “Ithaca”, estrelado por Colin Hanks, Sam Shephard e Jack Quaid, filho dela com o ator Dennis Quaid. Na foto, Meg aparece com a filha Daisy Tru, 9, garota nascida na China e que a atriz adotou em 2006.

Screen Shot 2015-12-02 at 4.24.17 PM

 

*

Em entrevista exclusiva à “People” de hoje, a atriz Sandra Bullock, 51, revela que adotou a garota Laila, 3, este ano e está preparando para seu primeiro Natal, junto com o garoto Louis, 5, adotado pela atriz em 2010. Para adotar Laila, Sandra se comprometeu a proteger a privacidade delas, preocupada com o assédio dos fotógrafos, durante período de acomodação da criança, no qual assistentes sociais determinam se houve ou não entrosamento. “Não tive problemas em mentir ou de fabricar histórias (para a imprensa) para manter tudo em segredo”, disse Sandra à People. Laila adora “Bwoono Maws” (o cantor Bruno Mars). Sandra também revela que seu filho Louis não tinha preferência pelo sexo da criança a ser adotada, mas ele pediu que seu irmão ou irmãzinha “tivesse pele marrom”.

Screen Shot 2015-12-02 at 4.39.09 PM