Ator Charlie Sheen vai revelar na TV que é soropositivo

Por Marcelo Bernardes

O ator Charlie Sheen, 50, vai revelar amanhã, em entrevista ao âncora Matt Lauer, do programa “Today”, que é soropositivo. Segundo o assessor de imprensa Howard Bragman, em entrevista ao jornal “The New York Times”, o fato de o ator de “Platoon” e “Wall Street” ser HIV positivo era conhecido por várias pessoas próximas ao ator em Hollywood.

“Isso vinha sendo um segredo aberto em alguns círculos, o pessoal próximo a Sheen sabia que isso (a revelação dos tablóides) estava vindo, mas acho que Charlie precisava de mais um tempo”, disse Bragman. O assessor não representa o ator, mas foi procurado por pessoas próximas a Sheen para aconselhá-lo nesse momento de crise de imagem. Bragman disse que o “segredo” era semi-público há vários anos.

No dia 2 de novembro o site “Radar Online” publicou uma reportagem especulativa sobre o fato de um famoso ator de Hollywood ser soropositivo. O jornal inglês “The Sun” e o tablóide americano “The National Enquirer” também fizeram o mesmo, citando fontes junto a ex-parceiras do ator, que estariam amedrontadas com os rumores. Os advogados dessas celebridades também estariam “se preparando para um potencial processo”.

O jornal inglês disse que o ator, que fazia sexo sem proteção, manteve tudo em sigilo para que a doença não “passasse a definir sua carreira”.

O artigo do "The Sun" foi não mencionou o nome das atriz que tiveram relacionamentos com o ator não identificado. (Foto: Reprodução)
O artigo do “The Sun” foi não mencionou o nome das atrizes que tiveram relacionamentos com o ator não identificado. (Foto: Reprodução)

O jornal citou que o ator em questão teria tido casos com “uma atriz premiada, uma estrela de cinema estonteante, uma personalidade de Hollywood com passado controverso, uma estrela popular de TV, uma personalidade celebrada da mídia e uma modelo glamurosa peituda”.

Em um artigo online publicado hoje, a revista “National Enquirer” decidiu divulgar o nome do ator. Segundo um assessor da publicação, a investigação dos repórteres que escreveram o artigo durou 18 meses.

Segundo a “National Enquirer”, vários amigos do ator teriam orientado ele a lidar abertamente com sua condição, mas que ele, até o momento, vinha se recusando a fazê-lo. “Charlie achava que era indestrutível e não tomou nenhuma precaução – muito embora ele estava se envolvendo em prática sexual de alto risco”, disse uma fonte da revista. Sheen, segundo a revista, teria feito um acordo financeiro com uma de suas namoradas, para evitar que ela não entrasse com processo público contra ele.

A entrevista de Sheen na TV acontece um dia antes de a revista chegar às bancas americanas.

Sheen foi casado, entre 2001-2005, com a atriz Denise Richards, com quem teve duas filhas. Em 2008 ele se casou com a atriz Brooke Mueller, com quem teve meninos gêmeos. Eles se separaram em 2011. O ator teve vários relacionamentos com atrizes pornôs nos últimos anos.

Revista "National Enquirer" matou a charada do "The Sun", revelando o nome de Charlie Sheen. (Foto: Reprodução)
Investigação da revista”National Enquirer”, que chega às bancas na quarta-feira, durou 18 meses. (Foto: Reprodução)