Neil Patrick Harris decepciona com novo programa ao vivo de TV

Por Marcelo Bernardes

Em breve o ator Neil Patrick Harris terá doutorado em situações embaraçosas ao vivo.

Depois de apresentar uma fraca cerimônia do Oscar, Harris estreou ontem, na rede NBC, o programa de variedades “Best Time Ever”. Espécie de um Faustão ainda mais piorado e anabolizado, “Best Time Ever” não impressionou os críticos. A Entertainment Weekly deu nota D ao programa, a cult emissora de rádio NPR disse que “faltou mais variedade ao programa de variedades”, e a revista The Atlantic quis saber o “porquê desse show existir”.

Neil Patrick Harris no palco do programa de variedades "Best Time Ever", apresentado ao vivo. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)
Neil Patrick Harris no palco do programa de variedades “Best Time Ever”, apresentado ao vivo. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)

Reese Whiterspoon entrou no ar ao vivo, às 22h (23h horário de Brasília), para anunciar, de uma cabine de rádio, a versão americana para o programa “Ant and Dec’s Saturday Night Takeaway”, apresentado pela TV inglesa por 12 anos. A atriz foi a primeira”locutora-especial”. A cada semana um famoso diferente assume a função.

Reese Whiterspoon foi a primeira locutora-convidada do programa. (Foto: Greg Endries/NBC)
Reese Whiterspoon foi a primeira locutora-convidada do programa. (Foto: Greg Endries/NBC)

Neil Patrick Harris entra no palco sem muito espaço para erros e pouca improvisação. O programa tem quadros rápidos como “Best Days of Your Lives”, no qual um membro do público é seguido por Harris, durante meses, e filmado por uma câmera escondida. No episódio de estreia, um casal descobre que Harris esteve presente durante toda a cerimônia de casamento deles. Harris mete o dedo no bolo, antes da festa, e deita e pula na cama de hotel do casal, antes de eles chegarem a suíte. Em Nova York para participarem do programa, a produção coloca o casal no Hotel Plaza e Harris, irreconhecível como um recepcionista, os recebe na porta do cinco estrelas, sem que a dupla perceba de quem trata. No palco do programa, ao vivo, Harris revela todos os momentos deste ilustre stalker.

Há também um quadro de karaokê no qual três participantes precisam completar as letras de uma música executada ao vivo. Na estreia, Gloria Gaynor canta “I Will Survive”, o maior sucesso da carreira da cantora.

Gloria Gaynor depois de cantar "I Will Survive" para uma prova de karaokê. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)
Gloria Gaynor depois de cantar “I Will Survive” para uma prova de karaokê. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)

Harris também apresenta um game show de perguntas e respostas. Um membro da plateia pode ganhar prêmios que vão desde um carro a um ano de pipoca de graça no cinema. Ao lado de sua co-apresentadora, a cantora Nicole Scherzinger, do Pussycat Dolls, Harris participa um quadro acrobacias. Reese Whiterspoon é selecionada para competir com ele, escalando uma estrutura de aço suspensa por um guindaste. Quando fica sabendo da prova, Reese lamenta ter aceitado participar do programa.

Harris e Reese Whiterspoon em prova de acrobacia. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)
Harris e Reese Whiterspoon em prova de acrobacia. (Foto: Virginia Sherwood/NBC)

Uma pegadinha por entre celebridades é o melhor quadro do programa. Em segmento pré-gravado, Harris, de barba e peruca, interpreta o apresentador aloprado da versão austríaca do programa de calouros “The Voice”. Ele “vai” para Los Angeles a fim de entrevistar os jurados do show, entre eles Gwen Stefani e Adam Levine. Gwen e Levine ficam indignados com o nível de perguntas bobas do apresentador e chegam a reclamar para a produção. No final do quadro, o austríaco ainda tenta participar do programa, cantando desafinado. É quando ele revela que os jurados do “The Voice” foram punk’d.

Número musical sob o efeito de esteróides encerra o programa. (Foto: Virginia Sherwood)
Número musical sob o efeito de esteróides encerra o programa. (Foto: Virginia Sherwood)

“Best Time Ever” termina com um número musical sob efeito de esteróides com a participação de todo o elenco. Harris canta, prepara drinks para Gloria Gaynor e faz uma pirueta em pleno ar. Apesar das críticas negativas, o programa conseguiu ter audiência decente de 6.8 milhões de espectadores, mas dificilmente terá vida longa.