Vogue e Kar-wai mostram “verdades e meias verdades” da moda chinesa

Por baixomanhattan

Pela 17a. vez, Anna Wintour, editora da revista Vogue, participa da organização de uma mostra do Costume Institute (Instituto do Figurino), do Museu Metropolitan, em Nova York.

Wong Kar-wai editou os clipes de filmes como Adeus Minha Concubina e Lanternas Vermelhas, ambos estrelados por Gong Li, para uma galeria especial sobre moda e cinema da nova exposição do Metropolitan. (Foto: Marcelo Bernardes)
Wong Kar-wai editou os clipes de filmes como Adeus Minha Concubina e Lanternas Vermelhas, ambos estrelados por Gong Li, para uma galeria especial sobre moda e cinema da nova exposição do Metropolitan. (Foto: Marcelo Bernardes)

 

Este ano o tema da exibição é a influência chinesa na moda e artes. China: Through the Looking Glass toma emprestado do título do livro do escritor inglês Lewis Carroll, “Alice Através do Espelho”, para contar, segundo palavras de Andrew Bolton, curador do The Costume Insitute, “as verdades, meias-verdades” e o olhar fantasioso que o ocidente, especialmente Hollywood, fez da China. A mostra tem direção artística do cineasta de Hong Kong, Wong Kar-wai, diretor de um dos filmes de figurino mais influentes das últimas décadas, Amor à Flor da Pele (“In the Mood for Love”). O Baixo Manhattan esteve hoje cedo no Museu para conferir a exposição. Leia mais sobre ela esta semana no blog ou veja galeria de fotos em nosso feed no Instagram, @blogbaixomanhattan.

A exposição reune vestidos de Yves Saint-Laurent, Balenciaga, Givenchy, Dior, Karl Lagerfeld, Paul Poiret e as irmãs da grife Rodarte com clipes de filmes de Bernardo Bertolucci, Chen Kaige, Zhang Yimou e Kar-wai, entre outros.

 

Vestido Givenchy em exibição na mostra China: Through the Looking Glass. (Foto: Divulgação)
Vestido Givenchy em exibição na mostra China: Through the Looking Glass. (Foto: Divulgação)

 

Hoje à noite, Anna Wintour comanda sua festa anual, o “Met Ball” (Baile do Metropolitan) ou mais conhecido como “a festa da Anna”, o evento social mais concorrido do mundo. Anna controla desde a lista de convidados (nem toda atriz famosa ou celebridade é convidada) até pequenas minúcias (segundo os rumores, Anna proibiu que celebs tirem selfies dentro do museu logo mais a noite).

A polícia de Nova York começou hoje, na hora do almoço, a armar uma barricada na frente do Museu Metropolitan. Acima: os últimos preparativos do red carpete do Baile do Metropolitan, logo mais a noite. (Foto: Marcelo Bernardes)
A polícia de Nova York começou hoje, na hora do almoço, a armar uma barricada na frente do Museu Metropolitan. Acima: os últimos preparativos do red carpete do Baile do Metropolitan, logo mais a noite. (Foto: Marcelo Bernardes)

 

 

Cerca de 500 designers de moda, atrizes e atores, modelos, e power plays do showbiz, mídia e Vale do Silício – Marissa Meyer, do Yahoo, é uma das co-presidentes do evento deste ano – vão passar por um longo carpete vermelho na frente do Metropolitan. A organização do evento aprovou o cadastramento de 225 fotógrafos e o cineasta Andrew Rossi vai filmar um documentário. Entre os famosos aguardados para o evento estão Jennifer Lopez, Gong Li, Jennifer Lawrence, Carey Mulligan, Roberto Cavalli, Stella McCartney, Sarah Jessica Parker, Kerri Washington e Gisele Bündchen. Leia mais sobre a cobertura do evento amanhã no blog.

 

Vestido criado pro Steve McQueen, em exibição no Metropolitan, a partir de sexta-feira, dia 7. (Foto: Marcelo Bernardes)
Vestido criado pro Steve McQueen, em exibição no Metropolitan, a partir de sexta-feira, dia 7. (Foto: Marcelo Bernardes)